Notícias

Acusado de abuso sexual contra filhos adotivos de 13 e 17 anos é preso no Rio

Abuso


15/01/2013

 Agentes da Dcav (Delegacia da Criança e Adolescente Vítima) prenderam nesta segunda-feira (14) um homem de 59 anos acusado de manter relações sexuais com dois filhos adotivos de 13 e 17 anos. O suposto criminoso, identificado como Luiz Carlos Borges, foi detido em Santa Cruz da Serra, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

Segundo a Polícia Civil do Rio de Janeiro, Borges foi denunciado por uma pessoa que se dirigiu à Dcav com uma carta impressa e um pendrive (dispositivo de armazenamento de arquivos) contendo provas do crime. Após a prisão, os menores foram encaminhados ao Conselho Tutelar.

O material continha, de acordo com a polícia, cenas pornográficas envolvendo crianças. Os agentes também encontraram vasto material de pedofilia na casa de Borges.

Na versão da polícia, o homem confessou o crime espontaneamente e afirmou que "passava as fotografias para outro menor, que reside em São Paulo". Borges teria dito ainda que "não via mais o adolescente de 17 anos como filho, e sim como seu namorado".

Ainda de acordo com a delegacia, o suposto criminoso trocava mensagens por celular com as vítimas, "dizendo querer praticar relações sexuais com elas". Borges será indiciado pelo crime de estupro de vulnerável. Se condenado, o acusado poderá ser punido com mais de 40 anos de prisão.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.