menu

Mais Esporte

30/01/2013


Weidman enfrentaria Anderson no Brasil

UFC

 Anderson Silva continua de férias e fazendo apenas aparições esporádicas, mas seus empresários e o UFC já estão trabalhando duro para definir sua próxima luta. E o norte-americano Chris Weidman está cada vez mais próximo de ser o rival do Spider. Ele já até aceitou o desafio feito pelo campeão e disse que faria essa luta no Brasil.

Na última terça-feira, o empresário de Anderson, Ed Soares, demonstrou irritação com o fato de o UFC estar forçando a barra para que Weidman dispute o cinturão. Para o lutador e sua equipe, o norte-americano é pouco conhecido e inexperiente. Mas vendo que isso deve acontecer, ele desafiou Chris a aceitar que a luta seja no Brasil.

"Anderson falou que quer lutar no Brasil novamente, para ele é muito especial lutar em casa. Então que o Weidman aceite fazer essa luta lá", disse o agente ao blog Na Grade do MMA.

Ainda se recuperando de uma cirurgia no ombro, Weidman prontamente aceitou o desafio, postando mensagens em sua conta no Twitter, em resposta a uma enxurrada de questionamentos que começou a receber dos fãs.

"Ed Soares disse para eu enfrentar o Anderson no Brasil? Adoraria! Estou pronto para assinar o contrato [para a luta]", resumiu o norte-americano que tem nove lutas profissionais de MMA e ainda está invicto.

Se esse combate realmente acontecer, ele deve ser realizado entre junho e julho, no máximo em agosto. Esse é o prazo que Anderson deu para voltar ao octógono e quando Weidman disse que estaria pronto e recuperado da lesão.