Esporte

Na mira do Flamengo, Carvalhal recebe boas referências de goleiro brasileiro: “Gosta de ter a bola”

Técnico português Carlos Carvalhal negocia com o Rubro-Negro

27/07/2020


Carlos Carvalhal - Divulgação/Rio Ave

GE



A diretoria do Flamengo está na Europa negociando com alguns treinadores estrangeiros para escolher o próximo comandante da equipe, após a saída de Jorge Jesus. E após conversas com os espanhóis Fernando Hierro e Domènec Torrent, Marcos Braz e Bruno Spindel estão em Portugal para conversar com Carlos Carvalhal.

O técnico português de 54 anos acabou de classificar o Rio Ave para a próxima edição da Liga Europa (fase qualificatória), com a vitória por 2 a 0 sobre o Boavista, no último final de semana. O resultado deixou a equipe na 5ª posição, com 55 pontos, um recorde de pontuação para o clube na Primeira Liga lusa.

Trabalhando diretamente com o técnico, o goleiro capixaba Paulo Vitor, que está no clube desde agosto de 2018, deu boas referências sobre o trabalho do lusitano.

– Ele é um bom treinador, trabalha bem, com um bom plano de jogo. É um treinador que gosta de ter a bola, não gosta que os jogadores deem chutão, é raro mandar fazer isso. Mas é um treinador que gosta de ter a posse de bola e finalizar, além de ver a equipe bem postada em campo. Ele é muito inteligente e trabalhador.

“Ele tem mercado na Inglaterra também, mas se for pro Flamengo vai se dar bem porque o estilo de jogo lá é semelhante ao dele. Ele trata todo mundo igual, de grupo, dá conselhos, fala bem. É um treinador top.”

Carlos Carvalhal chegou ao Rio Ave nesta atual temporada após passagens recentes pelos ingleses Swansea e Sheffield Wednesday. O técnico também tem experiência no futebol turco, onde comandou o Istanbul Basaksehir e o Besiktas. Em Portugal, Carvalhal foi treinador de vários times, com destaque para o Sporting, Marítimo e Vitória de Setúbal.

Já o capixaba Paulo Vitor tem 31 anos. O goleiro foi revelado pelo Vitória-ES e já atuou por Botafogo-SP, Aracruz, Audax Rio e também pelo Rio Branco-ES, onde foi campeão capixaba em 2015. Após esse título, Paulo Vitor seguiu para Portugal onde iniciou a sua trajetória europeia no Varzim e desde 2018 está no Rio Ave.

Maurilio de Almeida

Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.