Policial

Defesa do empresário que atropelou motoboy diz que cliente não se apresentou ainda “por culpa da população”


14/09/2021

Da redação/Portal WSCOM



O advogado Harley Cordeiro, defensor do empresário Ruan Ferreira de Oliveira, acusado de atropelar e matar o motoboy Kelton Marques no último sábado (11), no Retão de Manaíra, em João Pessoa, declarou nesta terça-feira (14), que o cliente ainda não se entregou à Polícia porque teme por sua integridade física, e culpou a população pelo demora de Ruan em se apresentar à Justiça, mesmo após ter a prisão preventiva decretada na manhã de ontem (13).

“Um clamor público imenso, uma repercussão muito grande, onde está havendo ameaças, inclusive a mim. (…) Se as coisas estivessem normais, esse menino já teria se apresentado, já estaria lá, e a Justiça já estava dando encaminhamento. O problema é que a família está com receio de eu levar esse rapaz e a gente ser linchado. Isso é um temor iminente. A própria população tá atrapalhando o seguimento do processo”, disse em entrevista à rádio Arapuan FM na tarde de hoje (14).

De acordo com Harley Cordeiro, é do interesse da defesa e também do seu cliente, que o suspeito possa se apresentar o quanto antes, mas que temem a situação por conta das ameaças que vêm sofrendo.

“É interesse nosso, é interesse dele, se apresentar o mais rápido possível, só que nessa situação temerosa a gente não quer”, declarou o defensor.

O advogado disse ainda que aguarda ter ciência da acusação ao cliente para traçar a linha da defesa. Segundo o defensor, ele ainda não teve acesso aos autos do processo, que corre em segredo de Justiça.

“Até agora eu não sei do que é que ele está sendo acusado. Ele pode estar sendo acusado de um homicídio simples, de um homicídio culposo, pode estar sendo acusado de homicídio doloso, pode estar sendo acusado de um dolo eventual, e eu não seu ainda qual é a acusação. Então, eu não posso dizer a linha de defesa se eu não sei ainda do que é que meu cliente vai se defender”, concluiu Harley Cordeiro.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.