Educação

Veneziano solicita ao Ministério da Educação implantar IFPB em três cidades da Paraíba e ampliar os de Campina Grande e Bayeux


01/03/2024

Portal WSCOM

O vice-presidente do Senado Federal, Senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB), participou na manhã desta quinta-feira (29), em Brasília, de audiência com o Ministro da Educação, Camilo Santana. No encontro, Veneziano formalizou o pedido para a implantação de outras unidades do Instituto Federal de Educação da Paraíba – IFPB para diversas cidades paraibanas, além da ampliação de duas unidades já existentes.

Junto com Veneziano, participando da audiência, estava o Prefeito de Campina Grande Bruno Cunha Lima (União Brasil), juntamente com a primeira-dama da cidade, sua esposa Juliana Figueiredo Cunha Lima. Durante o encontro com o Ministro, Veneziano formalizou a solicitação para novos Institutos Federais nas cidades de Mamanguape, Queimadas e Sapé. Além disso, o Senador também destacou a necessidade de ampliação dos Campi de Campina Grande e Bayeux.

“Reforçamos o nosso pleito em defesa de municípios paraibanos que estão carecendo de implantação de institutos federais. Sabemos nós que o presidente Lula tem como uma das suas principais marcas, desde os governos anteriores, a expansão dos Institutos Federais para todas as nossas regiões. Não seria diferente, portanto, estando na sua terceira gestão administrando o Brasil, diferente”, disse Veneziano.

Ele lembrou ainda que o MEC lançou recentemente um programa de expansão para os institutos e, na formalização do pedido feito diretamente ao Ministro, Veneziano destacou a cidade de Mamanguape, que polariza uma região que tem essa carência; Queimadas, que também não possui um Instituto Federal; e Sapé, todos com suas potencialidades locais. “Além desses três munícipios nós pedimos pela ampliação dos IFPBs de Campina Grande e de Bayeux. Essas demandas foram apresentadas e esperamos nós pela sensibilidade que o ministro Camilo e o presidente Lula tem, para que possam ser atendidas”, destacou Veneziano, em vídeo publicado em suas redes sociais.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //