Policial

Polícia Federal prende dois suspeitos de abuso sexual infantil na Paraíba

Operação Harpia foi realizada em 24 estados e no Distrito Federal.


23/11/2023

PF realiza operação nacional contra abuso sexual infantil (Foto: Divulgação/Polícia Federal)

Portal WSCOM

 

 

A Polícia Federal prendeu nesta quinta-feira (23), dois suspeitos de envolvimento em crimes de abuso sexual infantojuvenil na Paraíba, durante a Operação Harpia, que foi deflagrada em 24 estados e no Distrito Federal. A ação foi coordenada pela Diretoria de Combate a Crimes Cibernéticos da PF, que investiga criminosos que agem, principalmente, na internet.

A operação nacional teve como objetivo a prisão de ofensores sexuais de crianças e o resgate de vítimas, além de gerar um maior impacto social e atenção para a ocorrência desse tipo de delito.

Segundo a PF, foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão preventiva nas cidades de Campina Grande, Pombal, Queimadas e Santa Rita. Em Santa Rita, houve um flagrante no cumprimento do mandado de busca e apreensão. Em Campina Grande, foi cumprida a prisão preventiva de um dos investigados.

Os suspeitos poderão responder pelos crimes de armazenamento, compartilhamento e produção de material de abuso sexual infantil e estupro de vulnerável.

A Harpia é uma espécie de ave de rapina que tem os olhos sempre atentos e é exímia caçadora, relacionando-se com o objetivo da operação.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //