Futebol

Pelé teria tumor no intestino, fígado e pulmão, diz ESPN Brasil

Segundo informações do site da ESPN Brasil, o que mais preocupa os médicos é o tumor do fígado, por não poder ser retirado em cirurgia


23/01/2022

Foto de arquivo de 05/02/2014 do ex- jogador Pelé, que permanece internado no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo — Foto: Fábio Motta/Estadão Conteúdo

Revista Fórum

Pelé, o Rei do Futebol, 81 nos, continua sua luta contra o câncer. O ex-jogador deixou o Hospital Albert Einstein, em São Paulo, nesta quinta-feira (20), onde se submeteu a uma nova sessão de quimioterapia. O quadro é estável, segundo os médicos, mas a situação é preocupante.

De acordo com informações divulgadas pelo site da ESPN Brasil, “Pelé tem um tumor no intestino, um no fígado e o início de um no pulmão. O que mais preocupa os médicos é o do fígado, por não poder ser retirado em cirurgia. Por conta da situação fragilizada, ele segue sendo monitorado de perto e realiza quimioterapia a fim de evitar que os tumores se espalhem pelo corpo”, afirmou a reportagem.

Os médicos Fabio Nasri (geriatra e endocrinologista), Rene Gansl (oncologista) e Miguel Cendoroglo Neto (diretor-superintendente Médico e Serviços Hospitalares) do Albert Einstein divulgaram uma nota antes da saída de Pelé do hospital.

“Edson Arantes do Nascimento esteve internado no Hospital Israelita Albert Einstein nos dias 19 e 20 de janeiro para dar sequência ao tratamento do tumor de cólon, identificado em setembro de 2021. O paciente recebeu alta nesta quinta-feira (20) e está com condições clínicas estáveis”, disse a nota.

O câncer de cólon e reto abrange tumores na parte do intestino grosso, que é chamada de cólon, no reto e no ânus. Pode atingir homens e mulheres, geralmente por volta dos 50 anos de idade. Costuma se desenvolver de forma lenta.

Pelé se submeteu à cirurgia em setembro para retirada de um tumor no cólon direito

Pelé teve o tumor no cólon identificado em setembro de 2021. Com isso, passou a retornar com frequência ao Albert Einstein. No dia 4 do mesmo mês, o Rei do Futebol se submeteu a uma cirurgia para retirada de um tumor no cólon direito.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.